close
Ana Claudia Oliveira da Silva

Ana Claudia Oliveira da Silva
Publicado dia 23 de out de 2021 às 10:00

Avaliação da dispersão sazonal da espécie Aequidens pallidus (Heckel, 1840) por meio do DNA ambiental na Reserva Florestal Adolpho Ducke

Autor: ANDERSON ANDRADE DE SOUZA Posição: Bolsista de Iniciação Científica Financiamento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas – FAPEAM/INCT- ADAPTA II

Avaliação da dispersão sazonal da espécie Aequidens pallidus (Heckel, 1840) por meio do DNA ambiental na Reserva Florestal Adolpho Ducke

                                A Bacia Amazônia possui cerca de 2.700 espécies de peixes, de cerca das 5 mil encontradas na região Neotropical. Faz-se necessário diante da dimensão física, das interações entre os organismos e de efeitos de fatores climáticos compreender como é dinâmica desses organismos em escala espaço-temporal para que medidas de conservação possam ser adotadas diante da antropização e mudanças climáticas. O acará duas-pintas Aequidens pallidus é uma espécie encontrada na região Amazônica que está ameaçada pela captura para comercialização como peixe ornamental, sendo de enorme interesse ecológico e econômico em toda a bacia. Atualmente, técnicas não-invasivas baseadas na presença de DNA de organismos no ambiente têm sido empregadas para a avaliação da biodiversidade, bem como estudo da preferência por habitats, predação e outras aplicações. Em nosso estudo será verificado a ocorrência da espécie A. pallidus em igarapés e poças na Reserva Florestal Adolpho Ducke, nos períodos chuvoso e de estiagem, por meio de técnicas de DNA ambiental.